O Japão é um país muito peculiar. Os japoneses então, mais ainda. Eu sou suspeito para falar, adoro esse povo. Quem não se lembra dos japoneses na Copa do Mundo no Brasil, limpando as arquibancadas tomadas de lixo, após os jogos? Agora, eles dão mais uma mostra dessa preocupação com o meio ambiente. Agora, eles inovam e querem reciclar os smartphones antigos para fazer medalhas para os Jogos Olimpicos e Paraolímpicos de 2020, informa o site Nikkei Asian Review.

pplware_toquio2020_00-720x480
Crédito: https://pplware.sapo.pt/informacao/toquio-2020-medalhas-olimpicas-feitas-de-smartphones-velhos/

Como o país é pobre em recursos naturais, esses minerais contidos nos smartphones podem evitar a importação de ouro e prata – algo que muitos países fazem para fabricar as medalhas olímpicas. Aliás, vale lembrar que o Comitê Olímpico Internacional estabelece que cada medalha de ouro deve conter pelo menos seis gramas de ouro 24 quilates. As medalhas de ouro da Rio 2016 são compostas de 92,5% de prata, 6,16% de cobre e 1,34% de ouro.

placa-595x397
Crédito: http://www.welove.com.br/medalhas-olimpiadas-de-toquio-recicladas-smartphones/

Os organizadores dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos em Tóquio esperam que essa mudança na produção das medalhas faça com que a população se conscientize sobre o desperdício de eletrônicos. O pais não conta com leis específicas sobre a reciclagem de eletrônicos, o que torna essa ideia um verdadeiro desafio a ser encarado. Para cada 650 mil toneladas de lixo eletrônico produzido, apenas 100 mil é reciclado. Pensando nisso, oficiais já planejam levantar campanhas de conscientização e implementar pontos de coleta desse tipo de material.

No Japão, a quantidade de metais preciosos recuperados de produtos eletrônicos em 2014 inclui 143 kg de ouro, 1.566 kg de prata e 1.112 toneladas de cobre, segundo o portal. “Para que todos os japoneses participem dos Jogos Olímpicos de Tóquio, estamos pedindo que as empresas proponham uma nova forma de coleta e eu gostaria de trabalhar com o comitê olímpico para realizar a proposta”, disse Yuko Sakita, representante da ONG Genki Net para a criação de uma Sociedade Sustentável, em um evento com o governo em junho deste ano, informou o Asian Review.

Recentemente, o Ministério do Ambiente do Japão pediu aos municípios para recolher um quilo de produtos eletrônicos por pessoa por ano. Porém, muitas cidades não conseguiram recolher nem 100 gramas por cidadão. Assim, se espera que o espírito olímpico – e projetos ambientais – façam com que os japoneses reciclem seus smartphones.

20160822turningelectronic_large_580
Crédito: http://asia.nikkei.com/Japan-Update/Tokyo-Olympic-medals-to-be-made-from-e-waste?page=2

De acordo com a ONU, o lixo eletrônico é “um dos fluxos de resíduos de mais rápido crescimento do mundo” tanto em países desenvolvidos quanto em regiões em desenvolvimento. Um relatório de 2013 da organização previu que o volume global de lixo eletrônico deve crescer em 33% até 2017, o que aumenta as chances de um número maior de materiais tóxicos, como chumbo e mercúrio, entrarem no solo e na água.

De uma forma geral, produtos eletrônicos são uma rica fonte de metais preciosos, dentre os quais ouro, prata e cobre (bronze). A ideia de reaproveitar todo esse material se faz extremamente necessário quando pensamos na enorme quantidade de lixo eletrônico produzido no país. Dados do jornal Nikkei apontam que, só no ano de 2014, cerca de 315 quilos de ouro foram perdidos no lixo. Em Londres, foram usados menos de 10 quilos para a produção das medalhas.

A expectativa é arrecadar oito toneladas de metal para as 5 mil medalhas que serão entregues para os atletas nos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos. O atleta americano Ashton Eaton também se mostrou a favor de um projeto que contribui para “conscientizar sobre um futuro sustentável” e oferece ao público “uma oportunidade de ser parte da jornada olímpica”.

Gostou desse artigo? Compartilhe com seus amigos! Vamos fazer chegar ao máximo de pessoas possível!

Tem dúvidas, críticas, sugestões? Divida comigo e me ajude a melhorar esse blog! Faça seu comentário!

Fontes:

  • http://asia.nikkei.com/Japan-Update/Tokyo-Olympic-medals-to-be-made-from-e-waste?page=2
  • http://greensavers.sapo.pt/2016/08/23/japao-quer-usar-smartphones-antigos-para-criar-medalhas-para-toquio-2020/
  • http://inhabitat.com/japan-wants-to-make-the-2020-olympic-medals-from-recycled-smartphones/
  • http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/lixo/olimpiada-toquio-pode-ter-medalha-smartphone-reciclado-966883.shtml
  • http://www.welove.com.br/medalhas-olimpiadas-de-toquio-recicladas-smartphones/

Anúncios