Em um futuro próximo, poderemos voar de foguete de uma cidade para outra em questão de minutos, seja essa cidade localizada em qualquer lugar do planeta. Essa é promessa que o empresário Elon Musk fez durante sua palestra no Congresso Internacional de Astronáutica, em Adelaide, na Austrália.

Apesar de toda nossa tecnologia um vôo São Paulo — Tóquio pode durar entre 30 e 50 horas. A SpaceX está prometendo vôos parabólicos suborbitais que fariam o mesmo percurso em 40 minutos ou menos. Uma viagem entre Londres e Nova York levaria apenas 29 minutos, em vez das 7h30 a 8h atuais, segundo um vídeo promocional do projeto. Voando a até 27 mil km/h, qualquer trajeto de um ponto a outro da Terra seria feito em menos de 1h.

20170929f557713507dc56da57f7f0c142fcb703-a-space-odyssey-space-crafts.jpg

Para isso, ele usaria o foguete BRF, o mesmo que está desenvolvendo em sua empresa, a SpaceX. A companhia pretende começar a fazer viagens a Marte em 2024 – clique aqui para saber mais – as espaçonaves necessárias para isso começarão a ser construídas no próximo ano.

O BFR ainda é um foguete enorme, mas suas dimensões estão encolhendo: agora, tem 106 metros de altura e 9 metros de largura. A principal diferença com a versão original está no custo, disse Musk: “Acredito que descobrimos uma forma de bancar o invertimento. Isso é muito importante”.

A forma de fazer isso, explicou o empresário, será concentrando todos os esforços da empresa em criar uma única solução de transporte para atender a todas as necessidades dos consumidores.

20170929linhaaerea.jpg

Isso significa que o BFR será empregado tanto para lançar satélites e prover serviços para estações espaciais – substituindo as atuais cápsulas Falcon 9 e Dragon – e também levar pessoas à Lua e a Marte, além de realizar o que Musk chamou de viagens “ponto a ponto” na Terra.

“A maioria das viagens hoje consideradas de longa distância poderiam ser completadas em menos de meia hora”, disse ele à plateia em Adelaide.

Para isso, as pessoas precisam primeiro confiar de que esses voos serão seguros. Mas isso não é problema para Musk. Ele conquistou muitos fãs com seus pensamentos visionários e, ainda que suas promessas tenham levado muito tempo para se tornarem realidade, ele conseguiu alguns feitos pioneiros, como pousar 16 vezes seguidas foguetes orbitais após eles concluírem suas missões no espaço – dois deles foram usados uma segunda vez.

Um elemento-chave de sua visão é o conceito de reutilização. Atividades espaciais são atualmente caras porque os itens empregados são descartáveis, diz ele. Mas não há razão, argumenta, para um sistema de foguete não ser feito para ser operado como o avião de passageiros, no qual o maior custo é o combustível usado para abastecê-los.

O atual foguete Falcon 9 pode ser usado de novo parcialmente. O BRF seria totalmente reutilizável, podendo voar diversas vezes.

Musk disse que o preço será o mesmo de uma passagem cheia em classe econômica. É algo ainda um pouco visionário demais considerando que ele tem custos de pesquisa e desenvolvimento a cobrir mas, por outro lado há um mercado de viajantes que adorariam fazer NY — Hong Kong em 30 minutos, mesmo que saia bem caro.

Há quem diga que o Concorde tentou e não conseguiu criar um mercado de transporte rápido, mas três horas e meia para um vôo NY-Paris era conveniente mas não essencial. Alguém que espera 4 horas espera as 8 de um vôo convencional, onde você viajava com muito mais conforto.

Já meia-hora, aí estamos falando de algo completamente novo. É uma mudança de paradigma digna da introdução da aviação comercial. Travessias que levavam dias e dias por navio eram feitas em horas por aviões.

E nada disso é conversa de botequim. Segundo Musk “o ferramental já foi encomendado”. Ou seja: todas as máquinas que constroem máquinas, equipamentos customizados caríssimos e individuais já estão sendo produzidos.

A SpaceX está apostando alto e estamos falando do sujeito que construiu um programa espacial do zero, ouviu que nunca conseguiria pousar um foguete e de quebra ainda conseguiu transformar carros elétricos em algo descolado e arrojado.

É aguardar as próximas notícias e já ir juntando um dinheirinho para fazer sua viagem Brasil x Japão em meia hora.

Gostou desse artigo? Compartilhe com seus amigos nas suas redes sociais, seja engenheiro, arquiteto ou simpatizante! Vamos fazer chegar ao máximo de pessoas possível para tentar mudar a vida de outras pessoas e melhorar o mundo!

Quer receber mais notícias como essa? Cadastre-se neste site (aqui ao lado) e receba as novidades!

Tem dúvidas, críticas, sugestões? Divida comigo e me ajude a melhorar esse blog! Faça seu comentário!

Fontes:

  • http://meiobit.com/372957/elon-musk-atualiza-seus-planos-e-acredite-voce-ira-ao-espaco/
  • http://observador.pt/2017/09/30/elon-musk-revelou-o-plano-de-colonizacao-de-marte/
  • http://www.bbc.com/portuguese/geral-41446973
  • https://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/bbc/2017/09/29/elon-musk-revela-plano-de-usar-foguete-para-viajar-para-qualquer-parte-da-terra-em-menos-de-1-hora.htm

 

Anúncios