O novo conceito de colonização de Marte apresentado esta semana pelo presidente-executivo da SpaceX, Elon Musk, inclui foguetes e veículos menores desenhados para um uso mais amplo, além da exploração de Marte, como por exemplo a instalação de uma base lunar ou transportes de longa distância entre dois pontos na Terra.

O projeto do foguetão Falcon 9 (o brinquedo preferido da SpaceX) vai ser abandonado por fases, tal como os veículos Falcon Heavy e Falcon Dragon, por fazerem parte de uma linha de aeronaves que não tem lugar nos novos objetivos da empresa.

Os planos conhecidos esta sexta-feira no 68.º Congresso Internacional de Astronáutica, na Austrália, tem sido aprimorado no último ano, desde que o conceito de colonização de Marte foi apresentado no México. Naquela altura, Musk ambicionava levar um milhão de pessoas para Marte no espaço de 40 a 100 anos.

_98077634_16756bd9-433f-4b4a-9ffd-93e8dacd9381.jpg

 

O que agora ficamos a saber não se afasta desses objetivos, mas esclarece com mais detalhe como será feito o transporte, nomeadamente os pormenores técnicos dos foguetes e aeronaves — que Musk estima representarem um investimento de 10 mil milhões de dólares. Em 2012, a SpaceX só somava 4 mil milhões em receitas, mas o empresário que também detém a Tesla, diz ter solução.

Para isso, ele usaria o foguete BRF, o mesmo que está desenvolvendo em sua empresa, a SpaceX. A companhia pretende começar a fazer viagens tripuladas a Marte em 2024 – as espaçonaves necessárias para isso começarão a ser construídas no próximo ano. Essa nave, capaz de transportar 100 pessoas, fica em órbita enquanto que o BFR regressa à Terra.

20170929_bfr-on-mars_770x433_acf_cropped.jpg

À semelhança dos foguetes da gama Falcon, o BFR será capaz de aterrar verticalmente — de forma a poder descolar logo a seguir. Quando regressar à órbita, o BFR levará combustível para abastecer a nave, que daí parte em direção a Marte. Uma vez em Marte, 99% da energia da nave será gasta ao atravessar a atmosfera do planeta vermelho, mesmo antes de aterrar suavemente na superfície marciana.

O BFR ainda é um foguete enorme, mas suas dimensões estão encolhendo: agora, tem 106 metros de altura e 9 metros de largura. A principal diferença com a versão original está no custo, disse Musk: “Acredito que descobrimos uma forma de tornar esse investimento viável. Isso é muito importante”.

20170929f557713507dc56da57f7f0c142fcb703-a-space-odyssey-space-crafts

A forma de fazer isso, explicou o empresário, será concentrando todos os esforços da empresa em criar uma única solução de transporte para atender a todas as necessidades dos consumidores.

Isso significa que o BFR será empregado tanto para lançar satélites e prover serviços para estações espaciais – substituindo as atuais cápsulas Falcon 9 e Dragon – e também levar pessoas à Lua e a Marte, além de realizar o que Musk chamou de viagens “ponto a ponto” na Terra, onde ele promete que uma pessoa poderá viajar até outro ponto qualquer do planeta Terra em menos de uma hora. Veja mais sobre esse assunto aqui.

20170929linhaaerea

Além de ser o presidente e chefe de design da SpaceX, Musk fundou a fabricante de carros elétricos Tesla e é presidente de conselho da SolarCity, companhia especializada em tecnologias de energia renovável. Por causa dessas conquistas ele tem milhares de fãs pelo mundo, ainda que suas promessas tenham levado muito tempo para se tornarem realidade.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ele conseguiu alguns feitos pioneiros, como pousar 16 vezes seguidas foguetes orbitais após eles concluírem suas missões no espaço – dois deles foram usados uma segunda vez. Um elemento-chave de sua visão é o conceito de reutilização. Atividades espaciais são atualmente caras porque os itens empregados são descartáveis, diz ele. Mas não há razão, argumenta, para um sistema de foguete não ser feito para ser operado como o avião de passageiros, no qual o maior custo é o combustível usado para abastecê-los.

O atual foguete Falcon 9 pode ser usado de novo parcialmente. O BRF seria totalmente reutilizável, podendo voar diversas vezes. Musk reconhece que às vezes não consegue cumprir seus prazos ambiciosos. Quando apareceu em um dos slides em Adelaide que as primeiras versões de carga do BRF (sem humanos a bordo) voariam para Marte em 2022, ele disse: “Não é um erro de digitação, ainda que seja uma meta que aspiramos.”

Na plateia, muitos aplaudiram sua apresentação, mas os clientes de seu negócio podem ter ficado com a pulga atrás da orelha ao ouvir que a SpaceX estará voltada a partir de agora para seu novo foguete. Esses consumidores são de fato conservadores, como o próprio Musk destacou. Eles só agora estão ficando à vontade com a ideia de que eles podem enviar seus caríssimos satélites para o espaço usando foguetes “de segunda mão”.

20170929marte.jpg

O plano anterior previa que uma nave aterrissasse em Marte em 2022. O deadline continua o mesmo: duas naves com matéria-prima vão aterrissar em 2022, e quatro veículos chegarão em 2024. Duas destas naves vão ser pilotadas o que, de acordo com o plano de Elon Musk, os humanos vão caminhar em Marte em apenas sete anos.

Alan Duffy, do Centro de Astrofísica e Supercomputação da Universidade de Tecnologia Swinburne, em Melbourne, na Austrália, estava entre as 4 mil pessoas na plateia para a qual o empresário discursou. Ele diz estar confiante no que foi apresentado. “Esse é o Elon Musk, é isso que ele faz. O que eu amo na SpaceX – e o motivo pelo qual cientistas e engenheiros de todo o mundo estão dispostos a dar um voto de confiança – é que eles fazem as coisas serem lucrativas em cada etapa do caminho”.

“Eles têm uma visão ambiciosa e trabalham para concretizá-la. Mas sempre dão cada passo com o lucro em mente. E, se é possível lucrar, você pode ter certeza que o negócio dará certo.” Vamos contar os minutos para ver se essa visão de Musk está certo! Torcemos para que sim!

Gostou desse artigo? Compartilhe com seus amigos nas suas redes sociais, seja engenheiro, arquiteto ou simpatizante! Vamos fazer chegar ao máximo de pessoas possível para tentar mudar a vida de outras pessoas e melhorar o mundo!

Quer receber mais notícias como essa? Cadastre-se neste site (aqui ao lado) e receba as novidades!

Tem dúvidas, críticas, sugestões? Divida comigo e me ajude a melhorar esse blog! Faça seu comentário!

Fontes:

  • http://meiobit.com/372957/elon-musk-atualiza-seus-planos-e-acredite-voce-ira-ao-espaco/
  • https://engenheironaweb.com/2017/09/30/elon-musk-revela-vai-criar-um-foguete-para-voce-viajar-para-qualquer-parte-da-terra-em-menos-de-1-hora/
  • http://observador.pt/2017/09/30/elon-musk-revelou-o-plano-de-colonizacao-de-marte/
  • http://www.bbc.com/portuguese/geral-41446973
  • https://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/bbc/2017/09/29/elon-musk-revela-plano-de-usar-foguete-para-viajar-para-qualquer-parte-da-terra-em-menos-de-1-hora.htm

Anúncios