O Instituto Escolhas acaba de lançar um interessante estudo chamado: Qual o impacto de zerar as emissões do setor elétrico no Brasil?. A pesquisa mostra que a transição para um setor elétrico com zero emissões de carbono até 2050 tem um importante papel na redução de emissões de energia e praticamente não causaria impactos sobre o PIB e a renda familiar.

Esta pesquisa tem como objetivo verificar a relevância e o impacto para o Brasil implementar seu compromisso internacional de reduzir emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE), considerando as metas do setor elétrico, que visam ao aumento da participação de fontes renováveis não hídricas – como biomassa, solar e eólica – para, no mínimo, 23% da matriz elétrica brasileira até 2030. O resultado afirma que a transição para um setor elétrico com zero emissões de carbono no país até 2050 teria um importante papel na redução de emissões do setor de energia e praticamente não causaria impactos sobre o PIB e a renda familiar, tanto em cenários de crescimento econômico otimistas quanto pessimistas.

Com a plataforma #Quantoé? Gerar Energia, qualquer pessoa pode simular, de forma fácil e lúdica, como o país pode investir para zerar as emissões da produção de eletricidade. O objetivo da plataforma é fazer a sociedade pensar sobre quais fontes de energia o Brasil deve investir par atender à demanda de eletricidade até 2025.

Nela, o usuário pode fazer sua própria composição dentro de sete possibilidades de energia: hidrelétrica, solar, eólica, térmica a biomassa, térmica a gás natural, térmica a carvão e nuclear. E a ferramenta informa quanto seria o investimento necessário, quanto essa composição emitiria de gases de efeito estufa e qual seria o valor na sua conta de energia por megawatt-hora.

turbinas-para-geracao-de-energia-eolica.jpg

A conclusão do Instituto Escolhas é que o custo da transição para uma eletricidade carbono zero sobre o PIB seria pouco significativo, menos de 0,2% em 2050. O mesmo acontece para a renda das famílias, com um impacto menor do que 0,5% em 2050. Por outro lado, a redução nas emissões de gases de efeito estufa do setor elétrico foi significativa: se as emissões do setor elétrico forem zeradas em 2050, haverá redução de 58,5 Mt CO2e, no cenário otimista para a economia, um valor maior do que as emissões da queima de gasolina em toda a frota nacional de veículos em 2010. Se considerado um cenário pessimista, a redução seria de 40,1 Mt CO2e, valor maior do que as emissões CO2e de resíduos de todo o Brasil em 2010.

O setor elétrico brasileiro já possui elevada participação de energias renováveis – 74% em 2015, segundo o Ministério de Minas e Energia (MME). Ainda assim, as fontes solar, eólica e biomassa podem aumentar sua participação na matriz elétrica e substituir completamente as fontes fósseis nos cenários estudados, com a segurança energética do país garantida. As estimativas dos riscos das mudanças climáticas para a geração de energia ainda trazem incertezas, mas parece haver consenso de que a energia eólica no Brasil seria potencialmente beneficiada. No caso dos cenários desenvolvidos para este estudo, a energia eólica ganharia significativa importância e teria grande aumento da capacidade instalada (quase 80 GW totais instalados, ou 27% da capacidade instalada total em energia eólica, fonte potencialmente beneficiada pelas mudanças climáticas, no cenário otimista).

“O estudo ajuda a mostrar que a transição para um setor elétrico com emissões zero não trará maiores impactos econômicos ao Brasil, ao contrário da percepção existente. Isso se torna ainda mais importante quando se verifica que zerar essas emissões ainda significa uma grande ajuda para o país fazer a sua parte na luta contra as mudanças climáticas e o aquecimento global”, afirma Sérgio Leitão, diretor de Relacionamento com a Sociedade do Instituto Escolhas.

Acesse o estudo aqui e simule sua matriz energética clicando aqui.

Gostou desse artigo? Compartilhe com seus amigos nas suas redes sociais, seja engenheiro, arquiteto ou simpatizante! Vamos fazer chegar ao máximo de pessoas possível para tentar mudar a vida de outras pessoas e melhorar o mundo!

Quer receber mais notícias como essa? Cadastre-se neste site (aqui ao lado) e receba as novidades!

Tem dúvidas, críticas, sugestões? Divida comigo e me ajude a melhorar esse blog! Faça seu comentário!

Fontes:

  • http://escolhas.org/estudo-e-plataforma-de-energia-ajudam-entender-matriz-eletrica-brasileira/
  • http://ciclovivo.com.br/noticia/estudo-aponta-que-zerar-emissoes-do-setor-eletrico-nao-impactaria-pib-e-renda-no-pais/

Anúncios