Uma nova mistura de asfalto mais ecologicamente correta contendo toner de impressora reciclado está sendo usada nas estradas de Sydney. A TonerPave foi desenvolvida pela Downer e pela empresa de Melbourne, Close the Loop, e é o resultado de uma cultura compartilhada de inovação e um desejo genuíno de reduzir o consumo de carbono das empresas.

A nova tecnologia usa uma mistura química que emprega a reciclagem de toners de impressora (item que substitui os cartuchos de tintas de impressão em máquinas a laser), reduzindo assim a produção de CO2.

Além de ser menos poluente à camada de ozônio, o método é tão efetivo quanto o asfalto tradicional na eliminação de buracos e rachaduras nas vias. Os dados da Close the Loop indicam que, em média, 13% do toner em cada cartucho é desperdiçado. Eles dizem que 100 cartuchos de toners de impressoras podem pavimentar até uma tonelada de asfalto e cada tonelada do produto à base de toner usado na mistura de asfalto substitui 600 kg de betume e 400 kg de agregados finos, como areia e solo.. Testes também mostraram aumento de rigidez na pavimentação com o uso deste material, aumentando assim sua durabilidade, e consequentemente um melhor custo-benefício.

O toner é misturado com óleo reciclado e é 40% mais eficiente energeticamente do que a fabricação de betume padrão, com uma economia relativa de 270 kg de emissões de CO2 por tonelada.

 Pics-for-Summons-Article-Aug2011.jpg

Peter Tamblyn, gerente de marketing da Close the Loop, disse que “o resto do mundo está olhando para isso”. Todo o pó de toner usado da Austrália poderia, teoricamente, um dia ser usado na mistura de asfalto, disse Tamblyn, mas muitas pessoas jogam o toner para fora, em vez de reciclá-lo. “Se pudéssemos colocar as mãos em todos os resíduos de toner da Austrália, teríamos prazer em usá-lo”, disse ele.

Na atual taxa de coleta de cartuchos de impressoras via Plant Ark, dentro do limite da cidade de Sydney, 14.500 toneladas de TonerPave podem ser produzidas a cada ano – o suficiente para repassar 120.000 metros quadrados de estrada, o dobro das necessidades da área do conselho.

1st-Sydney-TonerPave-Street-Sept14-2.jpg

Tamblyn disse que o toner reciclado pela Close the Loop nos próximos 12 meses contribuirá para mais de 100.000 toneladas de produção de asfalto. A Austrália usou 750.000 toneladas de asfalto em 2014.

O novo tipo de asfalto já está sendo utilizada pela Downer, responsável pelo serviço de infraestrutura das vias australianas na pavimentação de ruas e avenidas. O material não necessita de maquinário especial para sua aplicação, já que pode ser aplicado com o mesmo equipamento usado pelo impermeabilizante à base de betume utilizado no método tradicional.

1st-Sydney-TonerPave-Street-Sept14-1.jpg

A empresa ressalta que estes números poderiam ser muito maiores se a população australiana fizesse o descarte correto do material. Atualmente, boa parte dos australianos jogam o material no lixo comum, o que faz com que a Close the Loop tenha acesso limitado ao material que gera a matéria prima para o TonerPave.

1st-Sydney-TonerPave-Street-Sept14-6.jpg

Gostou desse artigo? Compartilhe com seus amigos nas suas redes sociais, seja engenheiro, arquiteto ou simpatizante! Vamos fazer chegar ao máximo de pessoas possível! Conhecimento nunca é demais e com conhecimento poderemos mudar a vida de outras pessoas e melhorar o mundo!

Quer receber mais notícias como essa? Cadastre-se neste site (aqui ao lado) e receba as novidades!

Tem dúvidas, críticas, sugestões? Divida comigo e me ajude a melhorar esse blog! Faça seu comentário!

Fontes:

  • https://tonerpave.com.au/?p=5267
  • https://www.theguardian.com/australia-news/2015/may/20/asphalt-mix-made-with-recycled-printer-toner-paves-way-for-eco-friendly-roads
  • http://ciclovivo.com.br/planeta/desenvolvimento/pavimento-reciclado-desenvolvido-na-australia-diminui-emissao-de-co2/
  • https://www.cnbc.com/2018/04/22/in-sydney-australia-theyre-paving-roads-with-printer-toner.html
Anúncios